15
jul
07

GAROA

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
GAROA 

Se por acaso eu fosse água,
hoje eu sei que choveria,
sem tino,
uma garoa fina,
um leve manto de neblina,
um chuvisco morno
açoitado e batido,
fustigado no vento.
E assim chovendo,
brotaria de um céu,
cairia no outro,
correria em teu corpo
indelével,
te envolvendo em véus.
Nas tuas mãos
faria um pouso
suave,
deslizante,
um movimento insinuante
na tua pele a se arrepiar.
Gotejaria uma torrente
nas águas turvas
do rio quente
e formaria um afluente
do agridoce do teu transpirar.
Te invadiria pelos poros,
por um efêmero instante de vida,
e morreria
esquecida
na correnteza das lembranças apagadas…

– Lui –

 

 

 

 

 


24 Responses to “GAROA”


  1. 1 Stephen Craig
    15/07/2007 às 17:13

    Caro Marilia, a chuva que cai sem também cai dentro. Para refrescar, sooth e para reabastecer. Este é um poema maravilhoso. Como seja sempre bem. Com amor, Stephen Craig RoweDear Marilia,  The rain that falls without also falls within to refresh, sooth, and replenish.
     
     

  2. 2 Ane
    15/07/2007 às 18:47

    Marília!
    Que foto lindíssima!
    Estive hoje no Hi 5. Deixei um comentário lá!
    Beijos.
    Rosane

  3. 3 Unknown
    15/07/2007 às 18:50

    Marília, querida, eu é que mais vez agradeço a sua imensa gentileza de publicar o meu texto. E te agradeço também por ter feito isso de uma forma tão bonita, com uma imagem e uma música que tanto enriqueceram as minhas palavras. Adorei.  
     
    Um beijo.
     
    Lui
     

  4. 4 Cintia Thome
    15/07/2007 às 19:58

     
     
    Marilia Graciosa
     
    Voce sempre surpreende hein???
    Estes dias fiquei a admirar
    o spaces de LUI…e ela
    não diz que é Poeta!????
    Eu que sou rsrsrs
     Ela , além de ser uma maravilha
    de delicadeza em comentários
    e atitudes, é POETA!
     
    Veja só, queria eu ter escrito:
    "E assim chovendo, brotaria de um céu, cairia no outro, correria em teu corpo indelével, te envolvendo em véus. Nas tuas mãos faria um pouso suave, deslizante, um movimento insinuante na tua pele a se arrepiar."
     
    Parabens LUI, já estava
    demorando!
    Amei Amei…
    É que estou sem mp3,
    se não gravaria…
    Vou voltar
    para me deliciar com este
    versejar incrível!
    Um beijinho Marilia! Maria Cintia..
     

  5. 5 Ismael
    15/07/2007 às 21:55

    Marilia
    Tens o mérito de seleccionar e publicar nas tuas páginas, os mais belos poemas das mais inspiradas poetisas que esvoaçam neste universo.
    Desta feita me dilicio com a querida Lui que nos presenteia com esta  suave Garoa ao final de uma tarde ensombrada pela neblina que envolve o seu esbelto corpo num véu de saudade.
    Beijo,
    Lito

  6. 6 gian.
    16/07/2007 às 2:42

    Querida tu sei sempre mui linda …Saudade..beiojsssss..

  7. 7 Cintia Thome
    16/07/2007 às 9:43

     
     
    Marilia
    Pode lá comentar, foi Lito que
    me presenteou com Ne me quite pas…
    mas agora tem outra minha linda!
    Uma boa semana pra voce…
    Beijos Maria Cintia..
     

  8. 8 Fenix
    16/07/2007 às 10:36

    Preciosa música!!!
    Um poema muito lindo, adoro estar aquí
    Baijos

  9. 9 MAZINHA
    16/07/2007 às 11:26

    Olá….minha cara amiga….
    Depois  me perguntas se eu estou assustada….
    claro…..oras…………
    Veja só que poema lindo da  Lui…..
    Palavras doces….suaves…..que se completam com essa imagem maravilhosa que
    escolheste tão bem…..
    Encaixou…..engrenou…..acomodou-se ao poema como uma luva….
     
    Merecem…..as duas……..
    Um  lindo bouquet de flores…..
    Parabéns…….
    juntamente com uma caixa de Chèrry Brand….
     
    e muitos beijos….desta amiga que te adora…..
     
    Marilis Márcia
     
     
    ficarei uns 5 dias afastada…..descansando…nas montanhas….
     
    mas não me esqueças….
     
    te proibo hein????
     
     
     
    prá vc ouvir:
     
     

     
     

  10. 10 Jocélio
    16/07/2007 às 14:36

    Belíssimo texto, essa linda moça Luivana é também uma grande poetiza. Qual é o segredo para encontrar textos belos como este amiga Marília?
     
    Um boa semana.
    Beijos do amigo Jocélio.

  11. 11 Yon Rique
    18/07/2007 às 9:50

    Marília
     
    ConheLfaz um tempinho. Começamos juntos a navegar nas ondas net. Poetisa de talento raro, grande amiga, culta, insana e como se não bastasse tudo isso… Ainda é uma bela mulher!
    Beijo
    Yon

  12. 12 Robalinho
    18/07/2007 às 17:24

    Marília,
     
    É muito bonito o poema. Não conheço a Lui e foi a 1ª vez que li um seu poema.
     
    Obrigado pela divulgação que faz dos poemas de todos nós!
     
    Parabens à Lui.
     
    Um abraço
    Nenufar

  13. 13 Adriana
    18/07/2007 às 21:10

    Passando para matar a saudade e também para dizer que tudo anda tão perfeito,
    tudo tão único que só me faz ficar de água na boca quando
    venho ler os poemas postados e ver as belas imagens.
    Tudo sempre ok Marília e eu gosto muito;-)
    Mil vezes obrigada por tudo que fez e tem feito por mim, v
    c é um anjo q se aproximou e eu peço, nunca se afaste.
    Tiamocê.
    bjks e boa noite!🙂

  14. 14 Cintia Thome
    18/07/2007 às 22:26

     
     
    Marilia
     
    Só vim aqui  para ler e dar o meu abraço a voces duas.
    Apareça! bjs
    Maria Cintia..
     

  15. 15 Cintia Thome
    19/07/2007 às 9:31

     
     
    È minha amiga, obrigado pelo conforto sempre.
    Você me é importante.
    Mas ontem a noite, veio uma notícia triste
    a irmã de minha comadre e amiga/irmã, Sonia,  perdeu filha e cunhado
     nessa estória , desse caos
    instalado por aqui…Tenho muito dó das famílias…
    e de nós todos!
    A ganância e descaso é absurda.
    Obrigado mais uma vez. bj

  16. 16 JouElam e
    19/07/2007 às 20:20

    Marilia bela e doce amiga…hoje com mais tempo, sem pressa, cá viemos a esse teu mundoque nos leva a um recanto surreal, sabe aquelas saletas, ante câmaras, das grandesrainhas? as imperatrizes que marcaram a história por trás dos bastidores? pois, sempre imaginar tu assim, em salasforradas de sedas e setuns, ao chão de impecável marmore, tapetes persas e candeeiros delicados do mais fino bacarat,e tu numa elegancia cheia de primazia e com toques pueris, sim pq n? A ouvir, falar em sussuros, receber, a arte do receber bemque ser um dom raro para poucos, e então a sensação ser a sentarmos todos muito a vontade numa das chaise longue espalhadaspela sala, ao fundo muito suavemente os acordes belissimo de violinos no céu, então começamos a folhear teus albuns,e a viajarpela atmosfera perfumada entre os frufrus de saias, saltos altos, cabelos de fios sedosos a bailar, imensos sorrisos e olhares encatadores,sim tens uma história de vida linda,intensa, percebemos e sentimos que Tu viver cada momento com grande riqueza, ternura e altruismo, enos fz um bem…poder participar um pouquinho, um dos que mais gostamos ter sido do teu aniversário, alís mesmo que atraso olha só:-Tim!tim! um brinde a tu  moça bonita!Ariana valente,filha do fogo e da terra, domadora do sol.Somos cá nois dois Escorpiano e Ariana que tu achar disso?(risos)Uma explosão fabulosa, aff!Tua familia fz emoção a quem ver, tuas manas, tuas filhas, teu amor, quanta ternura…quanto amor nesses olhares eternizados pelo clikduma digital que rola pelo mundo afora e viaja pelo ar através dos ions e adentra pela poeira das estrelas e tornarem-se definitavamente atemporais.Eita que n ter jeito, n conseguir falar menos, ter que ser um jornal hauhuahuahuahuahua!Mas ADOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOORO, Como gostava de poder mais, ficar mais, aparecer mais,falar, ouvir,ver,sentir,mas tudo bem mais valer um pouco lá uma vez por outro do que jeito nenhum, mas olha Marilia querida,andamos cá a ouvir uma cançãode Hayley Westenra a cantar divinamente;Dark Waltz e eu pedir ao meu Jorge a por ela em nosso céu e desde agora tu já saberque ela ser dedicada especialmente a tu sim? pq acaso pudesse ouvir teu coração cantar, era assim que eu ouvir…o som de tuaalma, o som da menina adolecente de longas madeixas e sorriso cálido, a menina Marilia…Muitos bisous nossos e logo nós voltar a fz recadinho do texto da nossa Lui, nossa Lui quanta xoudades dela,minha nossa!té logo mais e bela noite!
    dos teus sempre:
    Jou+Sof carinhosamente

  17. 17 Kathryn
    20/07/2007 às 12:23

    I wish I knew what your comment said! I can maybe try to figure it out-like you came by my site via Stephen\’s site – but, and maybe you liked the photos of my mountains – but even there I could be wrong! *smiling*

  18. 18 Smile
    20/07/2007 às 12:48

    MARÍLIA,
    Essa cpacidade de dizer a coisa certa que tens,é dom,é alma. Alguns sofrem muito,outros aprendem…aprendemos.
     
    Sabes que a presença não nos é fundamental. Amizade que nos algema é aroma das matas puras e dos ventos de mar calmo. Somos amigos e assim nunca semeadores de dúvidas nem colhedores de incertezas…somos assim…assim sentidores de nós.Quem passem  anos, que soem trombetas ou que silencie a vida,carinho não nos move medo de faltar…somos assimRetribuo na modéstia possibilidade DE TAL GRANDEZA QUE ME PRESENTEIAS…COM TUA SAUDADE,aguardada presença.
    Com carinho,
    Vitor Cristiano

  19. 19 Black
    20/07/2007 às 13:48

    Pasé para desearte un feliz verano.
    Veo que tu blog sigue teniendo la misma intensidad y sensibilidad que siempre.
    Besos

  20. 20 italo
    21/07/2007 às 11:53

    Oi Marília!!!!!!!!
     
    Depois de uma mergulhadinha, cá estou eu novamente……………
     
    Garimpeira de poesias – que Garoa gostosa!
     
    Um grande abraço ultra-super apertado e um beijo estalado!!!!!!!!!!
     
    Hasta Hotra!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
     
    Ítalo Leonardo do Amaral Moreira  

  21. 21 MAZINHA
    21/07/2007 às 15:21

    Oi amigaaaaa………….voltei……
    renovada com pique total…..papos e novidadesss…………..hummmmmmm
    Obrigada por ter ido no meu canto….fazer-me uma visitinha tão cordial com sempre fazes…..
    também tenho saudades sim dos nosssos papossssss prolongados e engraçadosss.kkkkkkkkkkkk
     
    Sabe…..fico imaginando se eu pudesse e se meu dinheiro desse eu daira um pulo até onde vc está prá gente sair e se divertir um pouco contando lorotas da Net;……
    Ai…..Net……..lôka né????kkkkkkkkkkkkkkkkk
    bem…voltarei….tá???
    muitos beijos da saudades…..
    acho que dia desse foi dia do Amigo né???
     Parabéns então pelo nosso diaaaaaaa
     
     
    adoroooooooooooooooooo vc….
     Mais beijos da

     

  22. 22 fleurindigo
    24/07/2007 às 20:18

    smile , bisous fleur splendide 

  23. 23 inexistente
    23/08/2007 às 9:04

     QUE LINDO POEMA
    AI SE EU FOSSE AGUA…
    PEDERIA AO CEU UMAS GOTINHAS
    DE AGUA PARA SENTIR NA CARA
    A SUA FRESCURA…HUMM
    QUE BOM…
    BEIJINHOS
    AMIGA
    MADALENA

  24. 24 OdíLiA SpAcE
    02/01/2008 às 18:13

      Se eu fosse um elemento da Natureza eu seria ÁGUA.
    E, se eu fosse água, eu queria ser apenas uma gota…para saltar de nuvem em nuvem. Brincaria com as minhas manas gotinhas para ver quem saltava na nuvem mais alta…e, quando eu caisse, eu queria matar a sede a um beija-flor sedento…
    Beijinhos Marilia, minha querida amiga.
    Fica bem, que eu vou…sou como o Pai Natal, muita visita para fazer…
    Tua amiga sempre
    Mári
     


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: