15
ago
09

RETICÊNCIAS…

 Fotografia: RedShoes by  LUIZ AGUIAR

 
 
 
 
 
Reeditado pela miléssima vez  :
 
 
 
 
 
RETICÊNCIAS

Sou feito de pontos e vírgulas

Oceano dos et cetares

Pronto para excitar o teu texto,

Pausar tuas frases, ritmar os teus versos

Exclamar teus gemidos

Serenar tua libido… Ou não!

Nos parágrafos proibidos

Posso ser entre parênteses,

Tua água benta ou aguardente…

Queres fogo? Sou tua chama

Queres calma? Eu duvido…

Sou as cordas retesadas no teu violão

Posso inserir entre aspas,

Desejos, tremores… Tesão.

Ou ser simplesmente ternura

Teu lençol, teu porto seguro

Sou ambíguo para te ser opcional…

Quando findo, faço-te sono em um ponto

Se queres mais…

Reticências, reticências, reticências

Nunca serei em ti, um ponto final

Serei o próximo capítulo

Teu próximo título

Teu parágrafo inicial.

Yon Rique

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 OBS:

 
Nosso amigo e poeta JORGE escreveu para
o cabeçalho do blog do tão amado e saudoso YON RIQUE:
 
"No eterno que, supostamente,
não morre há muito do verbo falecer."
 
 
Diz Jorge agora  que:
 
Talvez me tenha enganado quando escrevi a frase
que encabeça o teu blog … um violão pousado …
uma cadeira abandonada e ao longe o céu dum azul
cremoso… quem sabe se… porque… no eterno de tudo
o que morre há muito do verbo renascer …

SAUDADE

 
 
 

13 Responses to “RETICÊNCIAS…”


  1. 1 Stephen Craig
    15/08/2009 às 12:09

    Lágrimas de anjos são queda estrelas que graça céu noturno, beijar os olhos e cantar. O poeta é de luz eterna. As palavras preencher um espaço entre as linhas do silêncio traçadas dentro o espírito. Existe em todas asplantada cresce poesiasempre à luzcomo se torna uma palavra enunca será.Tears of angels arefalling stars thatgrace night sky,kiss the eyesand sing.The Poet is of the lighteternal.The words filla space between the lines of silencedrawn withinthe Spirit.There in the allplanted poetry growsforever in the Lightas one becomesthe word and ever be.As ever be well, with my loveStephen Craig Rowe

  2. 2 Closed
    15/08/2009 às 13:18

    Olá Marilia!Este poema é para refletir.Adorei…reticências….Qdo toco eu ouçoa voz do meu instinto,não sei por onde vou caminhar,pode ser que seja no templo doaltar na beira-mar…..reticências.,,,,,,Nossa me deu inspiração amiga.Bjs e um ótimo final de tarde paravocê e para este lindo poeta.Com carinho da Amiga Nati

  3. 3 ╬✞Nadir spaces
    15/08/2009 às 13:40

    http://img12.imageshack.us/img12/3237/immagine1jjc.pngStellina di mareCason – Borghini – Mateicich – Cantata da Patrizia Pizzato Sei caduta nella rete stamattina,Le telline ti facevano corona:Poi ti prese una mano da bambina,Tanto felice perché tu eri viva…Stellina di mare piccina piccina,Chissà cosa senti, chissà cosa pensiIn fondo al secchiello che adesso è il tuo mareFra cerchi di sole che voglion giocare.Stellina di mare piccina piccina,Tu guardi la luna che non ti conosce,In fondo a quel mare che adesso è il tuo cielo,Fra cerchi di sole che voglion giocare.Stellina di mare piccina piccina,Adesso che giochi vicino alla luna,In fondo a quel cielo che è tutto il tuo mareNon essere triste, non piangere più…!buon ferragosto aricyaonadir

  4. 4 MAZINHA
    16/08/2009 às 7:24

    Má… eu havia notado essa frase, desde a época em que ele estava adoentado…inclusive tinha vontade de apagá-la…mas tenho a certeza de que sabiam já, ele , a familia e alguns amigos…O sexto sentido de sofia e jorge são muito aguçados , eles sentem , o coração é sensível…no fundo …no fundo….sabíamos tbém que isso aconteceria mais dia menos dia….Marilia, minha amiga linda e querida….Só uma frase e você vai entender lógo….Eles só mudam de endereço….amor!!!!Todos são iguais…só que ou ama ou não se ama…eis a questão….Ou vc se dedica plenamente, ou vc age por compulsão….e impulsão….entende?Quanto à esta oração do Yon….é lindíssima…. eu a cobiçava diariamente,e não entendia como podiam surgir palavras , tão belas de dentro de um coração igual ao meu….É um POETA MESMO, não é verdade?Não há como não apreciar essa lindeza de palavras rimadas que traduzem tanto….mas tanto amor…. que ele tinha naquele coração….Saudades né?Fica com Deus queridaDeus a inspire hoje e sempre….de quem a amaMarilis

  5. 5 Joaquim
    16/08/2009 às 18:23

    Recordar quem nos foi importante e querido é como escrever para o infinito; aquele lugar onde as almas vivem!E reconhecer a sensibiladade de quem recorda é admitir a verdade!Um grande abraço amigo….

  6. 6 .
    17/08/2009 às 8:37

    Marilia, este texto pode reeditar mais 1.000 vezes…A imagem é perfeita! Parabéns!Uma boa semana para ti!(\\_ _/)(=\’•\’=) (")_(") Beijinhos da Kika

  7. 7 Closed
    17/08/2009 às 14:42

    Olá querida Marília!Miga eu não consegui entrar no spacedo Poeta enacantado.Lamento amiga,mas com certeza eleficará guardado no coração. Pode ser que um dia deixemos de nos falar…Mas, enquanto houver amizade,Faremos as pazes de novo.Pode ser que um dia o tempo passe…Mas, se a amizade permanecer,Um de outro se há-de lembrar.Pode ser que um dia nos afastemos…Mas, se formos amigos de verdade,A amizade nos reaproximará.Pode ser que um dia não mais existamos…Mas, se ainda sobrar amizade,Nasceremos de novo, um para o outro.Pode ser que um dia tudo acabe…Mas, com a amizade construiremos tudo novamente,Cada vez de forma diferente.Sendo único e inesquecível cada momentoQue juntos viveremos e nos lembraremos para sempre.Há duas formas para viver a sua vida:Uma é acreditar que não existe milagre.A outra é acreditar que todas as coisas são um milagre.Albert EinsteinDesejo-te uma maravilhosa semana,recheadas de grandes realizações.Com carinho NatiBjs no seu coração

  8. 8 .
    20/08/2009 às 8:03

    Doce Marilia,Bom fim de semana…………….()""""()……………(..*o*.)………__./(…(,,))l–._……."=(o)=====(o)= " Beijokas da Kika

  9. 9 Closed
    20/08/2009 às 13:23

    OLá minha doce amiga Marilia!Oiiii, passei aqui só pra te deixar….*.*.*.*.*.*.* . * ..***.*. *Um super *** . *___00000___00000* . * . *mega hiper *** . *__0000000_0000000 * . * . *grande maior * . *__000000000000000 * . * . *gigante vasto* . *___0000000000000 * . * . *extenso profundo * .*____00000000000* . * . *comprido crescido* . *______0000000 * . * . *desenvolvido imenso* . *________000* .* . *.*poderoso abundante. *.*_________* . * . *elevado forte* . **.*.__________*.*.*.*.Meigo fofo* * . .*____________*.*.*.*.*.BEIJO!!!________*.*.*.* e um BOA TARDE!Sempre sua amiga Nati

  10. 10 Manuel Fernando
    21/08/2009 às 11:31

    Soñé. Cerré los ojos y te vi radiante,reflejaba tu rostro en un espejotan brillante como un lucero enla noche.Tu figura tan esbelta, tu semblante, se dibujaba minuciosamentetoda tu belleza, cautivaste sin querer en mis sueños.Así apareciste en mi sueño,cuando desperté…sentí en mi mejilla, la cariciade un beso querido. ¡Solo eraun sueño!Hola mi buena amiga pasé por aquí parasaludarte y también agradecerte tus bonitaspalabras que siempre me dejas cuando me visitas.Te deseo un feliz fin de semana lleno de sensacionespositivas.Un beso desde la distancia de tu amigo.

  11. 11 Closed
    21/08/2009 às 12:43

    Olá querida Marilia! VOCÊ É UMA ESTRELANo universo existem algumas estrelas que brilham mais do que as outras, e VOCÊ é uma delas…Continue sempre irradiando o brilho de sua luz interior a todos que te rodeiam, sempre mais e mais.Não deixe nunca sua estrela se apagar, pois ela é a luz de nossas vidas.Siga os seus sonhos, faça você sempre feliz, pois o futuro pertence áqueles que acreditam em seus sonhos..Um ótimo final de semana cheias de sonhosrealizados e tudo de bom.Meu carinho e minhaamizade por você.Beijokas mil…Nati

  12. 12 A. Salvador
    22/08/2009 às 11:07

    Feliz fin de semana. Un abrazo. Salvador.

  13. 13 ╬✞Nadir spaces
    22/08/2009 às 12:05

    http://i29.tinypic.com/10fdkax.jpgCi sono ancora loro, strani individui,con l\’anima più leggeradi una nuvola,loro,i poeti ingarbugliatinelle rime di ogni giorno…La più vera, a più ovvia forse,donare con il cuore,e ancora… amore.Ci sono loro, a risvegliarti dal torporeche t\’infonde la macchina del nulla,a dirti quanto vali se le alile dispieghi ancora,ferite e sanguinanti forse,…Ci sono loro, a dirti di stranezzedisegnate dentro al vento, a dirtiquanto è vero il tuo sorriso,se viene dopo quel dolore.Quanto è vero questo mondo,avvelenato da quei gaspiù che mai sconosciuti ed assassini.Quanto è vero…Verocome la vita che ti scuote e quella morteche non puoi capire.E ci sono ancora loro,poeti…senza più parole,che parlano da soli,piangono in silenzio… E nel silenzio,accarezzano l\’immenso.buone ferie aricyaonadir


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: