22
set
11

Ode às mãos !

Ode às mãos !

Ó mãos !  e dedos… capazes do mais simples roçar
ao penetrar nos mais íntimos recantos do corpo de sua musa,
com delicada firmeza e movimentos, compondo assim
um ritmo irresistível de prazer…
Ó mãos ! e boca, e língua… capazes de em uníssono extrair
os gozos mais profundos e adormecidos do corpo de sua amante…
Ó mãos ! e todo o nosso corpo… nós dois,
somos capazes de nos transformar em um só ser,
tão enroscados e atados íntimamente…
para no momento seguinte dividir-nos  em dois,
só para começar tudo de novo…
Frei Deriko Nietzsche

0 Responses to “Ode às mãos !”



  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: